Sustentabilidade

Programa Cafés Sustentáveis do Brasil certifica produtos com rastreabilidade assegurada desde a produção até a industrialização, o que o torna único no mundo. Os cafés são produzidos com os grãos provenientes de fazendas certificadas quanto à sua produção sustentável, que preservam o meio ambiente e respeitam o produtor. O processo de  industrialização é auditado quanto as boas práticas de fabricação e os produtos classificados em categorias de qualidade, por meio de uma metodologia de análise sensorial, nas categorias Extraforte, Tradicional, Superior e Gourmet.

Histórico

Em maio de 2007 a Associação Brasileira da Indústria de Café – ABIC  lançou  o Programa Cafés Sustentáveis do Brasil (PCS) com a proposta de introduzir o mercado brasileiro dentro da nova tendência mundial que é a do consumo consciente: produtos que são adquiridos porque, comprovadamente, foram feitos respeitando-se a sustentabilidade econômica, social e ambiental.

A produção do café, entre todos os produtos agrícolas, contribui para a sustentabilidade da atividade, nas dimensões ambiental, econômica e social. No Brasil, o programa PCS foi implantado, com o intuito de  ampliar significativamente a oferta e demanda desses tipos de café.

Apesar da existência de vários programas de certificação com ênfase em sustentabilidade em âmbito mundial, nenhum deles programas alia as questões de sustentabilidade e qualidade do ponto de vista do consumidor ao longo de toda cadeia. Para sanar esta deficiência, a ABIC propôs no PCS, uma série de requisitos a serem atendidos em toda a cadeia do fornecimento do café, desde a fazenda até o consumidor final, como forma de reconhecer as marcas de café torrado e/ou moído que agregam qualidade e sustentabilidade.

A ABIC estimula parcerias com a indústria, os cafeicultores e suas cooperativas, para promover a Sustentabilidade e a Qualidade em toda a cadeia do café, desde o processo agrícola, passando pelo beneficio até o processo industrial na torrefação.

Como Funciona

Sustentabilidade

Origem dos Grãos

Verificação que a origem dos grãos são provenientes de fazendas com boas práticas de produção agrícola. Sustentabilidade econômica, social e ambiental.

Qualidade

Processo Industrial

Auditoria na empresa controles, segurança, higiene e cuidados com o meio ambiente.

Qualidade com Sustentabilidade

Produto

Avaliação da qualidade do produto final.

Origem da matéria-prima e certificações

As fazendas de onde se originam os grãos dos cafés do PCS, devem ser atestadas por meio de programas de certificação específicos para os produtores.

A indústria de café deve assegurar e demonstrar, por meio de documentação especificada no regulamento, que pelo menos 60% do “blend” das marcas passíveis de Certificação são provenientes de fornecedores sustentáveis.

Abaixo transcrevemos algumas certificações de origem e sustentabilidade para que seu café tenha o Selo Cafés Sustentáveis do Brasi ABIC.

  • 4C – Código Comum da Comunidade Cafeeira
  • BSCA – Brazil Specialty Coffee Association
  • Café do Cerrado
  • Certifica Minas Café
  • Fair Trade
  • Rainforest Alliance
  • Utz Kapeh
  • Atsource (Olam)

Outras certificações, desde que comprovadas a origem ou sustentabilidade também são aceitas pela ABIC, entre e contato conosco para maiores informações:

Contato:

aline@abic.com.br / cristiane@abic.com.br / Tel: (21) 2206-6151 / 2206-6156

Como certifica no PCS

Para que seu produto seja certificado no PCS será necessário:

  • Que o produto tenha Certificação PQC;
  • Declaração da empresa informando que o produto contém no “blend” pelo menos 60% de cafés adquiridos de origem que atenda aos critérios de sustentabilidade; (modelo abaixo)
  • Preenchimento do Termo de Aceite do PCS; (modelo abaixo)
  • Comprovar que os cafés adquiridos para a fabricação deste produto provem de Fazendas certificadas. Estas evidências podem ser, por exemplo, cópia da NF de aquisição da matéria-prima, apresentação dos certificados 4C, Certifica Minas, Rainforest, entre outros
  • Maiores informações entre em contato com aline@abic.com.br ou cristiane@abic.com.br

Análise do Processo

Como é verificada a qualidade do processo?

Após a adesão no PQC, as indústrias passam também a serem verificadas periodicamente (presencial ou remotamente), por Certificadora credenciada pela ABIC, para avaliação das instalações, condições de trabalho e de toda a linha de processo industrial. Isso conduz as empresas para um verdadeiro trabalho de “Boas Práticas de Fabricação”.

As exigências de processo são baseadas na legislação vigente onde são verificadas as condições de controle, rastreabilidade e higiene, incluindo, dentre outros requisitos obrigatórios relativos ao processo produtivo, os seguintes:

  • Áreas Externas e Infraestrutura da Planta Industrial
  • Vestiários e Banheiros
  • Processo de Compra e Armazenamento do Café
  • Processo de Blendagem
  • Processo de Torração
  • Processo de Moagem
  • Processo de Embalagem e Expedição
  • Processo ou Área Responsável por Controle de Pragas
  • Processo ou Área Responsável pelo Controle de Pessoal, Exames Médicos, Saúde e Segurança e Meio Ambiente

Produtos Certificados

Rolar para o topo
X